Você usa a tecnologia a seu favor, não é? Seja para conquistar uma gata (como no Tinder), seja para fugir do trânsito (ao ligar o Waze). A integração de gadgets e serviços facilita em muito a sua vida, convenhamos. Porém, quando o assunto é grana, parece que os assíduos do mundo virtual não são tão confiantes para pagar contas online. Prova disso é que 54% dos internautas entrevistados em uma pesquisa realizada pela empresa de tecnologia Kaspery Lab acreditam que recorrer às agências bancárias e caixas eletrônicos ainda é a forma mais segura de realizar pagamentos de contas.

LEIA TAMBÉM: Não deixe que o WhatsApp prejudique sua carreira

“Se você, assim como esses clientes, optar pela tradicional boca de caixa dos bancos por medo de ser vítima de fraudes online, a adoção em grande escala de sistemas de pagamentos de contas online e mobile será dificultada“, lamenta Ross Hogan, diretor global da divisão de prevenção de fraudes da Kaspersky Lab. “Isso forçará os bancos a investirem mais recursos em outras plataformas. É por esse motivo que, hoje em dia, é vital que os bancos invistam em tecnologia para garantir um ambiente online seguro para você e todos os clientes.”

Apesar desse receio evidente, 79% (a maioria) dos entrevistados usam desktops ou laptops para pagamentos de contas online, enquanto 52% usam tablets e 45% usam smartphones. Além disso, 12% dos proprietários de Smart TVs admitiram já terem usado televisões para tais operações. Bacana, não?

/ Proteja-se ao pagar contas online

Ainda de acordo com a pesquisa, 20% dos usuários não fazem nada para proteger os dados financeiros ao pagar contas online. Olha que absurdo! Uma das maneiras mais fáceis que os criminosos encontram para invadir contas bancárias online é se passando por proprietários da conta. Isto pode ser feito obtendo informações da conta ou criando páginas de phishing que levam você a inserir seus logins e senhas. Então, vale a ressalva: nunca compartilhe informações deste tipo com ninguém!

Outra maneira é interceptando dados com um trojan bancário que invade o computador quando você entra em páginas legítimas do banco para pagamentos de contas online. Computadores tradicionais e dispositivos móveis são vulneráveis a estes ataques. Portanto, mantenha sempre um antivírus atualizado, o firewall ativo e pergunte a seu gerente quais são as estratégias que seu banco recomenda para que você não caia em armadilhas e continue a usar a internet como facilitadora de burocracias, como pagar contas online.