Inspirados pelos astros do Rock’ in Roll, os topetes foram tendência masculina no mundo inteiro, em meados de 60. Cantores como Elvis Presley imortalizaram o penteado nas cabeças masculinas. Com o passar do tempo eles se modificaram pouco e passaram a ser mais baixos, sem muito volume e até bem curtinho. Hoje, eles voltam com força total, bem altos e volumosos como nos anos 60 e se estabelecem como o novo hit dos cortes masculinos.

É um penteado versátil que pode ser feito em diversos formatos de rosto ou tipos de cabelo. Segundo o hair stylist Samuel Jabes, em cabelos ondulados ou com cachos é recomendado que as laterais fiquem mais quadradas e curtas, o importante nesse caso é ajustar ao formato do rosto, com bastante atitude e bons finalizadores que irão auxiliar no movimento. “O topete é um coringa nos looks masculinos. Até porque não conseguimos aplicar muitos visuais diferentes nos homens, que são mais resistentes”, afirma o especialista.

Para Samuel, o importante é encontrar um estilo e adaptá-lo as condições do cabelo, quantidade, formato dos fios e modelo do rosto. Para os cuidados e modelagem, o especialista conta que o mais saudável é o uso de gel sem álcool, porém recomenda ceras ou pomadas para dar o toque final ao look.