É muito comum nas empresas ouvir opiniões de pessoas que acreditam que por ser um profissional competente não tem a necessidade de uma comunicação correta. Isso pode até estar correto para quem não tem ambições de crescimento. Mas qual a importância de saber falar bem em público?

Já que, cada vez mais a comunicação se transforma em competência essencial para que todos os profissionais que aspiram melhores posições em sua carreira. A partir de determinadas colocações – como gerência ou diretoria – você passa a depender menos dos conhecimentos técnicos e a necessitar mais da sua habilidade de comunicação.

Isso demonstra a importância do preparo para falar bem desde o início de uma carreira profissional, sendo assim recomendado para quem tem dificuldades cursos de oratória e muita leitura. Todavia, além da necessidade de capacitação, algumas regras são pertinentes para afastar a insegurança e ser persuasivo em seus contatos profissionais. Ricardo Barbosa, diretor executivo da Innovia Training & Consulting, empresa especializada em treinamento coorporativo, destaca pontos importantes:

Antes de qualquer reunião ou apresentação, buscar conhecer com a maior profundidade que puder o assunto e detalhes que possam ser apresentados ou questionados;

Em caso de uma exposição, se organize e ordene todo o conteúdo com começo, meio e fim;

/ Antes da apresentação trate de deixar o ambiente favorável, demonstrando descontração, se possível cumprimentando os participantes com simpatia e abordando temas mais amenos;

Busque experiências práticas e cases de sucesso e sempre que houver oportunidades, aproveite para falar diante das pessoas, isso prenderá a atenção dos ouvintes.

/ Identifique seus pontos positivos. Saber que aspectos da sua comunicação são fortes e quais precisariam ser aperfeiçoados;

Durante a apresentação, nunca se coloque na posição defensiva, busque sempre estar no comando da conversa e olhe nos olhos das pessoas;

/ Dúvidas ou mesmo dados apresentados de forma incorreta sempre ocorrem, por isso não se desespere, o pior inimigo é o pânico. Assim no primeiro caso informe que buscará mais informações e passará e no segundo admita o erro e ajuste a informação.

Além disso, é sempre recomendável que o você tenha materiais de apoio na hora da apresentação. Se, mesmo assim, você se sentir desconfortável, deve começar a falar mais baixo e mais devagar para não deixar que seu desconforto seja percebido, apoiando as mãos sobre a mesa ou a cadeira para que possíveis tremores não sejam notados. Esses cuidados proporcionam um tempo precioso para queimar o excesso de adrenalina, renovar o oxigênio e falar cm mais confiança.

Siga esses passos e aumente suas chances de ter aquela promoção que você sempre quis.