Este é o VISION AVTR: novo carro-conceito da Mercedes-Benz

BRUNO ACIOLI

Mercedes-Benz VISION AVTR é inspirado no universo cinematográfico de Avatar. O veículo foi apresentado pelo diretor James Cameron em Las Vegas (EUA), durante a Consumer Electronics Show (CES) 2020, maior feira de tecnologia e tendências do mundo. 

O Mercedes-Benz VISION AVTR é resultado de uma parceria  entre as duas marcas, com o propósito de mostrar uma interação perfeita entre homem, máquina e natureza. Com isso, a Mercedes aposta numa via muito explorada no ambiente online: o user experience.

A montadora já havia incorporado o UX na navegação de bordo dos carros, com o MBUX (Mercedes-Benz User Experience), um sistema interativo inteligente comandado por voz ou toque, presente em veículos como o GLC220. O foco desta tecnologia é oferecer operações simples e intuitivas aos usuários, como exibir as informações corretas no momento certo – e apenas enquanto for realmente necessário. 

A evolução aqui é mais profunda. O VISION AVTR responde à abordagem dos passageiros visualizando o fluxo de energia e informação do ambiente com neurônios digitais que fluem através da grade a partir das rodas para a área traseira. A primeira interação entre o homem e o veículo ocorre de maneira intuitiva por meio da unidade de controle: ao colocar a mão no console central, o interior ganha vida e o veículo reconhece o motorista pela respiração. Isso fica visível no painel de instrumentos e na mão do usuário. Assim, o VISION AVTR estabelece uma conexão biométrica com o condutor e aumenta, segundo a montadora, a conscientização sobre o meio ambiente.

O cockpit possui um módulo de exibição curvo, que substitui um painel convencional automotivo. O exterior ao redor do veículo e a área circundante são mostrados em gráficos 3D em tempo real e, ao mesmo tempo, mostram o que está acontecendo na estrada diante do veículo. 
 

O carro também detecta automaticamente quando uma família está a bordo e se adapta de acordo com as funções. Por exemplo, os bancos dianteiros são conectados ao banco traseiro por meio da função Child Connect. Os monitores podem ser usados para monitorar o bem-estar das crianças na parte traseira pelos pais, na frente. Como uma conexão adicional entre os bancos frontais e a traseira, o pulso dos passageiros da frente na parte de trás dos bancos é visualizado pela luz.

Com bateria orgânica feita de materiais reciclados, o carro é movido por energia elétrica e possui 475 cavalos de potência. O exterior tem destaque na parte traseira com 33 aletas móveis que se adaptam ao meio-ambiente, além de fazer movimentos laterais.

confira mais fotos abaixo. 

Quer receber mais conteúdos como este?
Inscreva-se abaixo. Nada de spam!